Conheça nosso blog
29Maio
embalagens para congelados

Conheça as características das embalagens para congelados!

As embalagens para congelados são peças fundamentais para garantir que o congelamento ocorra de modo a não afetar aspectos essenciais do produto. Por essa razão, precisam seguir uma série de características. Conhecê-las vai te ajudar a não ter mais dúvida se certa embalagem é válida ou não para iniciar o processo de congelamento. Continue a leitura deste artigo para entender mais sobre o assunto!

5 aspectos que as embalagens para congelados devem ter

Como já falamos em outros artigos, o processo de ultracongelamento impede a deterioração dos alimentos. No entanto, não basta posicionar o produto dentro do ultra congelador sem que antes seja comprovado que este está pronto. Vários fatores devem ser analisados dentro desta análise, dependendo do tipo de item, e, dentre eles, estão as embalagens para congelados. Abaixo, separamos os aspectos dessas para dar fim a todas suas dúvidas sobre o tema. Veja!

modelos de embalagens para congelados

1- Resistência

Em primeiro lugar, as embalagens para congelados devem possuir resistência ao ar frio. Esta será responsável por impedir que o produto fique exposto dentro do recipiente e, por consequência, tenha sua umidade aumentada.

Além disso, a resistência também é responsável por diminui a possibilidade de existir rasgos no momento em que o produto entrar em contato com materiais pontiagudos.

2- Impermeabilidade

As embalagens para congelados devem ser impermeáveis. Essa característica oferece o bloqueio dos gases exteriores para o interior do produto. Isso contribui para que o item mantenha os atributos de cor, textura e sabor inalterados. De tal modo, o valor nutricional permanece o mesmo que era encontrado antes do congelamento.

A impermeabilidade também desacelera o processo de oxidação, o que estende o tempo de vida útil do alimento.

3- Flexibilidade

Alguns alimentos, sobretudo os pastosos e líquidos, costumam expandir o tamanho depois de congelados. Essa ação ocorre em razão da mudança de temperatura de forma repentina. Sendo assim, a flexibilidade torna-se um ponto crucial para impedir rompimentos ou estouros destes produtos dentro do recipiente de congelamento.

4- Resistência à aderência

Embora já tenhamos falado a respeito da resistência física das embalagens para congelados, devemos pontuar a resistência à aderência. Este é um fator que preocupa donas de casas no dia a dia, pois depois de um produto entrar em contato com o ar frio pode “grudar” nas paredes do recipiente ou, até mesmo, em outro item já congelado. A resistência à aderência, dessa forma, impede que essa situação ocorra. Isso é, tanto pelo contato com ar frio, quanto por gordura.

5- Densidade

Por fim, a densidade é o fator que irá representar a capacidade de selagem da embalagem para congelamento. Logo, um modelo de maior densidade fornece índice maior de resistência de tração. Por consequência, o alimento fica mais encapado e com menor risco de sofrer alterações nos componentes dele.

Gostou de ter conhecido mais sobre as características das embalagens para congelados? Conte com a Genesis Refrigeração para obter o melhor recipiente para congelamento. Atuamos há mais de 40 anos no mercado de soluções de refrigeração. Entre em contato conosco para tirar dúvidas e verificar as condições que disponibilizamos!

Aproveite para ver mais artigos como este em nosso blog. Lá estão:

Compartilhe !

Posts RecentesTags
× Orçamento via Whatsapp