Conheça nosso blog
27Nov
como vender congelados

Como vender congelados: dicas rápidas para quem vai empreender!

Investir no ramo alimentício tem crescido tendo em vista a grande possibilidade de diretrizes. Hoje, existem pessoas empreendendo em negócios ligados à churrascaria, massas, comidas veganas, vegetarianas, de diferentes culturas, apenas doces, etc. Enfim, são várias maneiras de se destacar no mercado com uma proposta nova! A mais recente é a venda de produtos congelados, que pode ser incluída em qualquer um dos segmentos citados aqui. Para saber como vender congelados corretamente, leia este artigo até o final!

Para empreendedores: como vender congelados

empreendedores saibam como vender congelados

Entenda o mercado

Antes de dar os primeiros passos com o investimento, é preciso analisar o mercado para saber como vender congelados. O cenário atual é: as pessoas estão cada vez mais ocupadas, o que sobra menos tempo para preparar suas comidas do dia a dia. Sabendo disso, é sua hora de apresentar novidades que vão além de pratos tradicionais. Acompanhe, a seguir, as dicas que vão clarear sua mente!

Escolha os produtos

Opte por oferecer uma boa variedade de produtos. Ainda estudando o mercado, você perceberá que existem pessoas interessadas em comidas prontas congeladas, que basta apenas alguns minutos sendo aquecidas para consumo. Outras, buscam por alimentos processados que vão facilitar no preparo de outros pratos – que elas mesmas vão produzir. Essa é uma maneira de atender mais pessoas e oferecer qualidade e satisfação para seus clientes!

Exigências legais

Todo empreendedor precisa ter noção completa das exigências legais em abrir um negócio no Brasil. Portanto, para saber como vender congelados, esteja ciente de tópicos importantes como:

  • registro na Junta Comercial e Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ);
  • cadastro na Previdência Social e ICMS da Secretaria do Estado da Fazenda;
  • alvará sanitário de Indústria de Alimentos e preenchimento do formulário sobre fabricação de produtos;
  • registro da marca no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual;
  • consulta à Lei Geral da Micro e Pequena Empresa;
  • manual de boas práticas e procedimentos operacionais padronizados de acordo com a ANVISA.

Invista na infraestrutura

Limitar o espaço à área disponível na sua casa, por exemplo, pode prejudicar o crescimento futuro da empresa. Entretanto, seja qual for o ambiente adquirido, invista na infraestrutura necessária para atender as demandas. Não precisa de nada muito complexo para micro e pequenas empresas! O essencial é alinhar um ambiente de produção com ponto de venda, intercalando com o serviço delivery e com a opção dos clientes visitarem a loja e torná-la mais conhecida.

Investimento e custos

Para definir o investimento e custos, avalie a capacidade produtiva e os primeiros objetivos. Inclusa: terreno e construção ou aluguel e reforma, equipamentos, insumos, impostos, produtos, equipe e ferramentas de trabalho. Evite ficar inadimplente para não crescer as dívidas e, consequentemente, custos exacerbados. Inclua nos investimentos as estratégias de divulgação, que podem ser no âmbito digital e com impressos.

Garanta os melhores equipamentos para o seu negócio!

Equipamentos que serão essenciais para a infraestrutura na hora de saber como vender congelados:

Todos eles você encontra na Genesis Refrigeração. Somos especializados no assunto! Entre em contato e solicite já seu orçamento.

Compartilhe !

Posts RecentesTags
× Orçamento via Whatsapp